Encontro com a atual

Encontro com a atual _graodefato
Te vi no altar e você não me reconheceu. Te vi na igreja e você não me deu bom dia. Passou por mim e nem me notou.

Eu usava vermelho. Vermelho segundo dia. Vermelho fartura. Vermelho cachoeira. Vermelho não-to-grávida-de-você-não, pode casar.

Você usava preto e parecia pinguim. Ela usava branco menininha. Não era branco mulher, era branco xôxo e sem querer.

Eu ainda vou entender o que tem nessas meninas pequenas com cara de colo e vestido de estampa de florzinha pequena, que vocês tanto acham.

É tanta diferença que nem dava pra ser mesmo.

Tinha que ser certo demais. Combinando roupa, cabelo e sapato. Sonho, vontade e vocação. Tinha que ser meio careta.

Cheirou a flor certa, casou cedo demais.
Que seja feliz e vá em paz.

Saiba mais sobre a autora: Fabíola Bueno estuda Jornalismo, é pisciana orgulhosa e naturalmente independente. Mineira aguda no modo de falar e tratar, apaixonada pela cidade maravilhosa e sua liberdade (…)

Seja o primeiro a comentar